Matheus MAD fala sobre seu trabalho na redação do Porta dos Fundos em entrevista com Hebert Neri em Portugal

Publicado em 13/11/2020 17:50
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Falando para o público português como convidado do programa Neri Talks, que é o talk show do jornalista e produtor musical Hebert Neri em Portugal, o comediante Matheus MAD falou sobre os desafios de fazer humor no Brasil e trabalhar na redação do Porta dos Fundos.

Embora seja jovem e ainda pouco conhecido do grande público, Matheus MAD é CEO da sua própria empresa de produção de eventos culturais e trabalha ao lado de grandes nomes do humor, integrando a equipe de redatores do Porta dos Fundos e do Gil Brother Away, que alcançou fama na MTV Brasil em meados dos anos 90 e início dos anos 2000, e que agora, assim como o Porta dos Fundos e outras iniciativas bem sucedidas de humor no YouTube, tem investido na internet. 

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carreira no stand-up comedy

Ao apresentador do Neri Talks, Matheus MAD revelou que sempre sentiu que tinha vocação para o humor e que teve bons exemplos dentro da própria casa. “Minha mãe é atriz e me apresentou o mundo do teatro desde muito cedo. Embora a linha de atuação dela seja diferente da minha, aprendi tudo sobre atuação e o mundo das artes com ela. Na minha família sempre tive grandes exemplos.” 

Chamado de hiperativo e dinâmico por Hebert Neri durante o programa, Matheus revelou que essa sua forma de ser transborda também para o seu jeito de fazer humor nos palcos. “Eu sou muito inquieto então estou sempre produzindo piadas, testando coisas novas e sou muito enérgico no palco. Às vezes tenho que me controlar um pouco (risos). Tenho que me segurar para não ficar andando de um lado para o outro do palco para não deixar a platéia tonta.” 

Nos bastidores do Porta

Considerado um dos maiores êxitos da internet, mas também cercado de algumas polêmicas relacionadas a piadas que tocam nos assuntos de religião e política, o Porta dos Fundos se tornou bastante conhecido também em Portugal, onde tem inúmeros fãs.

Questionado pelo apresentador sobre como é o ambiente de trabalho, o comediante afirmou ter muita liberdade criativa:

“Dentro do Porta existe muita liberdade. Nunca me foi dito que não poderia escrever sobre tema X ou Y. O maior critério para um roteiro meu ser aprovado ou não pelos meus chefes é se é engraçado e genuíno. Não adianta se não for realmente engraçado”. 

Sobre trabalhar com Fábio Porchat, Gregório Duvivier, Estevam Nabote e Antonio Tabet, que são nomes mais do que consagrados no meio artístico, Matheus MAD fala com admiração:

“São pessoas incríveis que eu admirava de longe e agora trabalho para eles. É uma grande responsabilidade e claro que me cobro muito por qualidade e sou exigido de resultados, mas é extremamente gratificante e um privilégio para mim”. 

Emprego dos sonhos

Perguntado em tom de brincadeira pelo apresentador se teria conseguido o emprego via ‘teste do sofá’, o humorista reagiu com bom humor:

“Jamais. Tudo é muito profissional. É a realização de um sonho trabalhar no Porta, mas não teve teste do sofá nenhum para isso (risos)”. 

Especial de Natal do Porta dos Fundos

Perguntado sobre o polêmico Especial de Natal do Porta em 2019, o comediante conta que não teve participação no roteiro, mas que não vê a produção como ofensiva:

“O roteiro não teve participação minha, sendo criação do Fábio Porchat e das outras chefias criativas do Porta. Mas sinceramente não concordo com a censura e não vejo porque houve tanta tentativa de censura. Não acho ofensivo. As pessoas precisam entender que aquilo é uma peça humorística e não um texto bíblico. Não vai mudar em nada a fé das pessoas aquele Especial de Natal”. 

Neri Talks

O comediante participou do programa através de videoconferência, devido às recomendações de segurança e distanciamento social que Portugal adotou para combater a pandemia causada pelo novo coronavírus. 

O Neri Talks vai ao ar semanalmente nas ondas da Rádio FM em Portugal, pela Rádio Paivense e Rádio Limite, e está disponível mundialmente como Podcast no Spotify, DeezerGoogle PodcastsApple Podcasts e no YouTube.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio