Jim Carrey como Mr. Pickles em Kidding (Fonte: Reprodução)
Jim Carrey como Mr. Pickles em Kidding (Fonte: Reprodução)

A Showtime optou por cancelar a dramédia Kidding, protagonizada por Jim Carrey, após duas temporadas. A 2ª temporada da série terminou em março, deixando a porta aberta para uma 3ª temporada em potencial para seus 54 mil espectadores, mesmo encerrando sua história central.

“Depois de duas temporadas, Kidding concluiu sua exibição no Showtime. Estamos muito orgulhosos de exibir essa série imaginativa, aclamada pela crítica e recompensadora, e gostaríamos de agradecer a Jim Carrey, Dave Holstein, Michael Aguilar, Michel Gondry e todo o elenco e equipe por seu trabalho brilhante e incansável “, afirmou a Showtime em comunicado.

A comédia sombria de meia hora serviu como o retorno de Carrey à TV após uma ausência de quase três décadas. A série reuniu Carrey com o ganhador do Oscar, Gondry, diretor e escritor de O Brilho Eterno de uma Mente sem Lembranças. Gondry atuou como showrunner da série produzida internamente na Showtime.

Carrey estrelou como Jeff (também conhecido como Mr. Pickles), um ícone da TV infantil, um farol de bondade e sabedoria para as impressionantes mentes jovens da América e os pais que cresceram com ele; que também ancora um império de marca multimilionária.

Mas quando sua família (sua esposa, dois filhos, irmã e pai) começa a implodir, Jeff não encontra nenhum conto de fadas, fábula ou fantoche que o guie nessa crise, que avança mais rápido do que seus meios de lidar. O resultado: um homem gentil em um mundo cruel enfrenta um lento vazamento de sanidade, tão hilário quanto doloroso.

Com o cancelamento, a Showtime não tem mais projetos em andamento com Carrey, que anteriormente produziu as duas temporadas do drama I’m Dying Up Here.