The Walking Dead: por dentro da comunidade Commonwealth

Série vai mostrar pela primeira vez uma cidade, com 50 mil habitantes, na qual zumbis não são ameaças

Publicado em 19/09/2021 10:45
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Após muitos enigmas e aperitivos, chegou a hora! O quinto episódio da 11ª temporada de The Walking Dead, que entrará na plataforma Star+ neste domingo (19), vai mostrar pela primeira vez a comunidade Commonwealth por dentro, com todos os detalhes possíveis. Essa é a maior localidade e agrupamento do universo da trama.

O mestre de cerimônias é Lance Hornsby (Josh Hamilton), diretor de operações da comunidade. Em um vídeo gravado em uma fita VHS, ele faz a vez de guia do local. Eugene (Josh McDermitt), Ezekiel (Khary Payton), Yumiko (Eleanor Matsuura) e Princesa (Paola Lázaro) assistem à apresentação, parte do processo de admissão exigido por Commonwealth.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

[Atenção: spoilers a seguir da série e da HQ]

Brasão da comunidade Commonwealth

Sorvete e bolo

Se você está assistindo a este vídeo, você passou pelo rigoroso sistema de admissão da comunidade Commonwealth e foi aprovado para se juntar a nós”. É assim que Hornsby começa o vídeo de introdução para os recém-chegados.

Ele destrincha em poucos segundos o que é Commonwealth. A comunidade é habitada por mais de 50 mil pessoas, que vivem como se estivessem no pré-apocalipse. Algumas não fazem ideia de como o mundo está além dos muros que protegem o local. Zumbis e escassez de mantimentos não são ameaças para os moradores.

Cada habitante exerce lá a mesma profissão que tinha no mundo antes do surto. Pintores, floristas, agricultores, padeiros, enfim, as pessoas trabalham com aquilo que sabem fazer de melhor. Isso cria uma cidade nos moldes de antigamente.

A felicidade impera ali. Crianças alegres brincam despreocupadas. Os moradores fazem ioga ao ar livre, armam piqueniques ao redor de árvores, vão a shows que são realizados em um grande palco, praticam esportes e tudo o que é considerado normal. Até um caminhão de sorvete tem na comunidade, assim como uma confeitaria com bolos incríveis.

Eugene (Josh McDermitt) admira um simples sorvete

Profissões liberais

Commonwealth tem um rol de profissionais liberais que são necessários em uma cidade de 50 mil habitantes. Médicos operam em instalações com equipamentos hospitalares padrões, algo antes impensável no mundo de The Walking Dead. Existem advogados também.

E nessa é que Yumiko deve entrar. Pré-surto, ela era uma advogada com diplomas em universidades de elite como Oxford (Reino Unido) e Harvard (Estados Unidos). Pamela Milton (Laila Robins), a governadora de Commonwealth, deve usá-la de algum jeito, aproveitando o conhecimento em advocacia da sobrevivente.

Assim, a série The Walking Dead faz uma adaptação do que a HQ homônima narrou. Nos quadrinhos, é Michonne quem é formada em direito e passa a ter um papel fundamental em Commonwealth. Na TV, a personagem vivida por Danai Gurira está ausente, foi atrás do marido Rick Grimes (Andrew Lincoln).

Há em Commonwealth um severo Código Civil, um conjunto de leis que devem ser seguidas à risca. Um grupo de soldados vestidos com uma armadura branca agem como a polícia do local, sob o lema: Lute contra os mortos. Salve os vivos.


Siga o Observatório de Séries nas redes sociais:

Facebook: ObservatorioSeries

Twitter: @obsdeseries

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio