O que Pokémon: Detetive Pikachu usou do anime? Veja 7 referências

Publicado em 10/05/2019 14:38
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Pokémon: Detetive Pikachu chegou finalmente aos cinemas. Os fãs já estavam de olho nos trailers há muito tempo. Portanto, devem ter imaginado que não haveria conexões com o anime. Mas elas existem, e vamos falar sobre elas. Porque sim, nós falamos sobre animes! Veja nosso artigo sobre One Punch Man.

A série animada foi inspiradas nos jogos lançados no fim da década de 90. Dessa forma, com o filme se inspirando na sua matéria prima, dificilmente não haveria ligações com o anime. Mesmo que não vejamos Ash e companhia, rostos familiares devem animar os fãs.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Pikachu

A primeira e mais óbvia referência é o próprio Pikachu. Os jogos já permitiam que você tivesse o rato elétrico em seu time, mas as escolhas iniciais eram os também famosos Bulbassaur, Squirtle e Charmander. Porém, o anime que ajudou a tornar a franquia a mais rentável do mundo, foi quem deu status de protagonista para o monstrinho.

Pikachu foi escolhido por ser o mais carismático do jogo. Além disso, tirou das costas dos produtores a escolha que todo jogador de Pokémon deve fazer entre os iniciais. O sucesso foi tanto que uma versão do jogo, Pokémon: Yellow, foi criada baseada na jornada de Ash Ketchum na TV. Se hoje estamos vendo o Detetive Pikachu e não Detetive Charmander ou Detetive Squirtle, é o desenho que deve ser agradecido.

Psyduck

Outra referência fica por conta de Psyduck. O pokémon era um dos mais populares usados por Misty, líder do ginásio de Cerulean que acompanhou Ash em sua primeira jornada. A protagonista feminina do longa também tem um Psyduck, que explora as dores de cabeça do pato aquático da mesma forma que se fazia na televisão.

Mewtwo

A aparição de Mewtwo também pode ser ligada ao anime. Apesar de sua história ser bastante embasada nos jogos, a menção de que ele veio de Kanto é uma referência a primeira região explorada nos jogos e na TV. Nada impede, dado o roteiro do longa, que ele possa ser considerado uma extensão da série animada.

Esquadrão Squirtle

Além disso, temos o Esquadrão Squirtle. Inclusive, é de onde Ash consegue capturar sua tartaruga aquática. Usado anteriormente na animação, ele está presente no filme. Assim como no anime, o Esquadrão Squirtle é um time formado pelos bichinhos que ajudam os bombeiros a combater incêndios nas cidades. Uma referência que todo fã da série deve perceber.

Pokémons falantes

No longa, com explicações próprias, nós também temos o Pikachu como um único pokémon falante. Além, é claro, de Mewtwo, mas este é, desde o princípio, geneticamente modificado. Sua capacidade de falar é um ponto que surgiu do primeiro filme da franquia, e não dos jogos, que nada mais é do que uma aventura baseada no anime. Pokémons falantes só ocorreram pela primeira vez na televisão, com o Meowth da Equipe Rocket.

Kanto

A citação de Kanto no filme é um possível foreshadow do que pode vir por aí. Agora que ela é estabelecida como existente, nada impede que uma continuação aconteça por lá. Assim, poderíamos ver personagens clássicos do desenho. O próprio Meowth seria uma boa escolha, já que Pikachu, por motivos de MUITO SPOILER para de falar ao final do longa. Assim, teríamos não só a oportunidade de continuar com um monstrinho falante como a chance de vermos um live action de Jesse e James.

Música de abertura

A referência que mais pegará os fãs é, com certeza, a música de abertura da série. Em um momento de solidão, Detetive Pikachu canta a canção aos prantos, enquanto anda pela estrada. A dúvida que fica é se o anime também existe no filme, ou se a canção foi somente um improviso que serve de easter egg.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio