Jorah Mormont teria um fim bem diferente em Game of Thrones; entenda

Publicado em 23/05/2019 16:52
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Agora que a última temporada de Game of Thrones acabou, os envolvidos estão finalmente falando mais sobre a série. É claro que alguns membros do elenco reclamaram do roteiro, assim como boa parte dos fãs. Mas Sophie Turner defendeu a série contra uma petição online.

De fato, a trama foi um dos aspectos mais criticados na internet. Mas aos poucos vamos descobrindo que ela poderia ter sido diferente. Como no caso de Jorah Mormont, vivido por Iain Glenn. O futuro novo Batman poderia ter ficado vivo ao final do programa da HBO. Mas Dave Hill explica porque essa ideia foi descartada.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Durante muito tempo, queríamos que Sor Jorah estivesse na Muralha no final”, revelou Hill para o Entertainment Weekly. “Os três que saem do túnel seriam Jon, Jorah e Tormund. Mas quantidade de lógica que teríamos que dobrar para levar Jorah para a Muralha e fazê-lo sair do lado de Dany logo antes (do final)… Não teria como fazer isso. E Jorah deveria ter a morte nobre que ele almeja, defendendo a mulher que ama”.

Jorah foi esfaqueado durante a Batalha de Winterfell, protegendo Daenerys dos mortos-vivos. O que significa que ele nunca teve que testemunhar sua fome por poder.

“Há uma doçura nisso porque Jorah nunca saberá o que ela fez“, compartilhou Glen. “Isso é provavelmente o melhor. É uma bênção para ele que ele nunca tenha descoberto o que aconteceu com ela”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio