George R.R. Martin comenta cancelamento e diz que só escreverá spin-off após terminar livro

Publicado em 30/10/2019 19:37
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os fãs de Game of Thrones foram surpreendidos quando o spin-off prequel estrelado por Naomi Watts foi cancelado e, em seguida, a prequel House of the Dragon ganhou um pedido de temporada pela HBO. Certamente, há muito o que especular. Mas talvez as pistas mais significativas venham de ninguém menos que George R.R. Martin, autor da saga literária As Crônicas de Gelo e Fogo.

O escritor foi ao seu blog pessoal nesta quarta-feira para comentar o anúncio da HBO. O que mais chama a atenção é que ele não escreverá um roteiro para House of the Dragon, apesar de ter escrito o livro Fogo & Sangue, no qual o programa é baseado. Bom, a menos que ele termine Os Ventos do Inverno, o sexto livro da saga, a tempo da produção.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

House of the Dragon e Os Ventos do Inverno

“Espero estar envolvido até certo ponto… E, quem sabe, se as coisas derem certo, posso até escrever alguns episódios, como fiz nas primeiras quatro temporadas de Game of Thrones. Mas… Deixe-me ser perfeitamente claro… Não assumirei nenhum script até terminar e entregar Os Ventos do Inverno. O inverno ainda está chegando e o Os Ventos continua sendo minha prioridade, mesmo que eu adorasse escrever um episódio de House of the Dragons”, revelou Martin.

De fato, Martin escreveu episódios para as quatro primeiras temporadas de Game of Thrones. Mas deixou isso de lado para se concentrar nos livros por volta de 2014. Enquanto isso, ele também trabalhou em bastante material secundário. Quanto ao programa cancelado, Martin não acha que a decisão de não avançar foi por causa de House of the Dragon.

Bloodmoon

“Nem preciso dizer que fiquei triste ao ouvir que o show não viraria uma série completa. Jane Goldman é uma roteirista fantástica, e eu gostei de fazer um brainstorming com ela. Não sei por que a HBO decidiu não continuar a série. Mas não acho que tenha a ver com House of the Dragons. Isso nunca foi uma situação de um ou outro. Se a televisão tem espaço suficiente para vários programas de CSI e Chicago… Bem, Westeros e Essos são muito maiores, com milhares de anos de história e contos, lendas e personagens suficientes para uma dúzia de programas”, disse o autor.

“É de partir o coração como trabalhar durante anos em um piloto, derramar seu sangue, suor e lágrimas nele e dar em nada não é nem um pouco incomum. Eu já estive lá mais de uma vez”, prosseguiu. “Sei que Jane e sua equipe estão sentindo a decepção agora, e elas têm toda a minha simpatia… Com meus agradecimentos por todo seu trabalho duro e meus bons desejos pelo que quer que façam a seguir”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio