Coronavírus vai te fazer esperar ainda mais pelo Baby Yoda; entenda

Publicado em 04/03/2020 19:35
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Baby Yoda conquistou corações em todo o mundo no ano passado ao ser introduzido em The Mandalorian, primeira série live-action de Star Wars, no Disney+. Mas se ele teve algum defeito para os fãs, é somente que seu segredo acarretou em atrasar sua linha de brinquedos, que o público estava ansiando para ter em casa. E o Coronavírus agora está atrasando mais ainda.

A fim de preservar a surpresa da aparição de The Child (a quem todos ainda recusam a chamar de outra coisa que não Baby Yoda), a Disney tomou uma decisão consciente de adiar o merchandising para o show de sucesso.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Fazer isso, no entanto, pode ter repercussões infelizes, pois o mortal coronavírus continua a se espalhar pelo mundo, interrompendo as cadeias de suprimentos e atrasando os produtos de muitos grandes fabricantes. Um desses fabricantes, a Hasbro, está entre os que sofrem com esses atrasos, levando os analistas a prever que pelo menos algumas das linhas de brinquedos do Baby Yoda podem ser adiadas indefinidamente.

Depois de originado em Wuhan, na China, o coronavírus se espalhou globalmente para infectar mais de 90.000 pessoas. Embora 80% dos casos conhecidos tenham sido leves, o vírus ainda matou mais de 3.000 pessoas desde que apareceu no final do ano passado. As autoridades não podem prever com precisão o que o futuro reserva. Mas, se houver confiança em alguns especialistas em saúde, a epidemia parece estar diminuindo gradualmente.

Alguns dos próximos brinquedos Baby Yoda que chegarão aos fãs este ano incluem um Funko Pop! e um adorável colecionável em tamanho real. Por causa dos atrasos devido ao Coronavírus, a Disney começou a pesquisar ativamente as mercadorias ilegais da Baby Yoda e emitir avisos de remoção.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio