Com quarentena do Coronavírus, Netflix dispara na Itália e Espanha

Publicado em 16/03/2020 19:53
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A Netflix está vendo um aumento nos downloads na Itália e na Espanha devido a milhões de pessoas que vivem em auto-isolamento à medida que o Coronavírus se espalha, de acordo com novos dados compartilhados pela Sensor Tower nesta segunda-feira (16).

Na Itália, os downloads de aplicativos da Netflix aumentaram 57% nos últimos sete dias em comparação à semana anterior, de acordo com o rastreamento da Sensor Tower na Apple App Store e no Google Play. A Espanha também viu um salto de 34% nos downloads de aplicativos da Netflix na última semana, disse a empresa.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Esses números de download representam apenas downloads para celular, e não a visualização da Netflix em dispositivos como Apple TV e Roku. Obviamente, é compreensível que, com mais pessoas em quarentena, mais pessoas procurem passar o tempo assistindo a programas de TV e filmes. Isso se baseia na pesquisa compartilhada na segunda-feira pela Nielsen, que mostrou que a Coréia do Sul registrou um aumento de 21,4% na exibição de TV em comparação com o mesmo período do ano passado.

Coronavírus na Itália e Espanha

O surto de coronavírus foi especialmente doloroso para a Itália, onde o número de mortos na segunda-feira ultrapassou 2.100 pessoas. No total, houve quase 28.000 casos confirmados na Itália, impactando principalmente cidades do norte, como Milão e regiões vizinhas.

Enquanto isso, a Espanha foi trancada por um período de emergência de duas semanas, com o fechamento de todas as escolas, universidades, restaurantes, bares, hotéis e lojas não essenciais. Além disso, algo que pode colaborar com o número é a estreia da 3ª temporada de Elite, original espanhol da Netflix de grande sucesso mundial.

A Sensor Tower não tinha uma comparação semanal para downloads de aplicativos para Netflix ou outros serviços de streaming como HBO Now e Amazon Prime Video no Brasil, que ainda não se encontra na mesma situação que os países citados. Até o final da semana, a empresa promete ter dados comparativos dos Estados Unidos.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio