The Witcher (Fonte: Netflix)

Lauren S. Hissrich é a criadora e diretora de umas das séries mais comentadas atualmente, The Witcher, da Netflix. O épico de fantasia é uma adaptação da coleção de contos e séries de livros do autor polonês Andrzej Sapkowski, que também foram desenvolvidos em videogames extremamente populares. A Netflix relata que a série é sua maior estréia na TV de todos os tempos, e os fãs a elogiam por ser uma fantasia sem desculpa e, mais importante, por suas personagens femininas complexas e em camadas.

Em entrevista ao PureFandom, Lauren comentou que se concentrou na importância em explorar personagens femininas na série, além de alegar que uma cena onde Yennefer iria conhecer Triss, foi deletada.

A produtora afirmou que é importante explorar as personagens femininas “da mesma maneira detalhada e em camadas que os homens”. Quando perguntada sobre Yennefer, que foi altamente explorada na entrevista, ela comentou sobre alguns cortes que iriam enaltecer as mulheres: “Havia uma cena no terceiro episódio em que Yennefer, Fringilla e Sabrina discutiam suas transformações e lembravam de como era antes. Eu queria ter mantido isso. Era um belo exemplo de amizade feminina, e daria mais contexto para Fringilla antes dela se junta à Nilfgaard”

Ela também afirmou que haveria uma cena com o encontro: “Nós também filmamos uma cena com Yennefer conhecendo uma jovem Triss, que acabou de chegar à Aretuza. Serviria para mostrar o quão longe ela chegou nos seus anos na academia, e criaria uma noção de mentoria entre as duas feiticeiras. Olhando agora para algumas tramas que vão se desenvolver na segunda temporada, queria ter essa cenas!”

A primeira temporada de The Witcher está disponível no catálogo da Netflix. A série já possui uma segunda temporada confirmada e uma animação a caminho.