Round 6 caminha para repetir no Emmy o que Parasita fez no Oscar

A série sul-coreana da Netflix está elegível para competir na principal premiação da TV americana

Publicado em 07/10/2021 11:05
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A produção sul-coreana Round 6, série mais vista da Netflix, caminha rumo a um momento histórico no Emmy. De acordo com o regulamento da Academia de Televisão americana, responsável pela premiação, a atração pode se inscrever na edição do ano que vem. Assim, o drama tem tudo para repetir o que Parasita (2019) fez no Oscar.

No ano passado, o longa sul-coreano ganhou a estatueta de melhor filme, primeira conquista de uma película de língua não inglesa. A competição é acirrada, mas Round 6 entra forte na briga para arrebatar o prêmio de melhor drama no Oscar da TV.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A concorrência contra Round 6

A corrida para a 74ª edição do Emmy está bem no início. Muita coisa boa ainda vem por aí no mundo das séries, como a terceira temporada de Succession. A série da HBO eleita o melhor drama em 2020 retorna com episódios inéditos no próximo dia 17.

Ainda estão programados novos capítulos de dramas qualificados, dos níveis de Westworld, Stranger Things e Euphoria. The Morning Show, com a segunda temporada a todo vapor, também é uma forte concorrente. 

Vencedora deste ano, The Crown provavelmente ficará ausente da festa em 2022, pois a quinta temporada deve estrear fora da janela de inscrição, que leva em conta séries exibidas entre 1º de junho de 2021 e 31 de maio de 2022.

A violenta Game of Thrones é a maior vencedora do Emmy (Divulgação/HBO)

O que ajuda e atrapalha Round 6

A votação para o Emmy de 2022 será aberta mais de oito meses depois da estreia de Round 6 na Netflix. Essa distância no tempo desfavorece a atração. Caso a eleição fosse agora, com a série bombando em todos os cantos, os votantes seriam sensivelmente influenciados a se inclinar para a série sul-coreana.

Assim, se a Netflix acreditar que Round 6 pode ser competitiva no Emmy, será preciso colocar em prática uma campanha de marketing agressiva para relembrar o impacto da série nos meses de junho/julho de 2022. E torcer para que até lá não surja uma rival com tanta popularidade.

No passado, o Emmy agia com mais conservadorismo com produções violentas. The Sopranos (1999-2007) quebrou esse estigma, mas o marco mesmo foram as inúmeras condecorações dadas a Game of Thrones (2011-2019), simplesmente a série mais premiada da história do Emmy. Round 6 chegou em um ambiente mais favorável, apesar da carnificina e do banho de sangue.

Emmy Internacional?

Round 6 está elegível ao Emmy por ser uma produção da Netflix, uma empresa sediada nos Estados Unidos, e ter sido exibida no país. Mas como foi gravada fora do território americano, na Coreia do Sul, e falada em uma língua não inglesa, a série também pode concorrer ao Emmy Internacional.

A questão é que a Netflix precisa decidir em qual premiação Round 6 tem mais potencial de vitórias. Isso porque de acordo com as regras de ambos os Emmys, uma atração não pode disputar as duas premiações ao mesmo tempo.


Siga o Observatório de Séries nas redes sociais:

Facebook: ObservatorioSeries

Twitter: @obsdeseries

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio