WandaVision quase explorou a xenofobia que a protagonista enfrentaria na série

"Muito presente em alguns dos quadrinhos mais antigos"

WandaVision
Publicidade

Jac Schaeffer, roteirista de WandaVision, revelou à Rolling Stone que pretendia explorar a xenofobia na série, inicialmente.

Schaeffer falou que o tema era recorrente em muitas das histórias em quadrinhos mais antigos, e por conta disso, pensou em explorar na trama do Disney+.

“Essa ideia estava em meu tom original, mas era muito literal. No início, pensávamos em explorar a questão da xenofobia, que está muito presente em alguns dos quadrinhos mais antigos. Portanto, o mecanismo que os impulsionaria para o próximo episódio foi um pouco mais dramático, quase cataclísmico. Tem o casal nos quadrinhos que torna suas vidas meio difíceis; eles são vizinhos que gostam deles porque ele é um robô, e ela é Sokoviana”, disse.

Continua depois da publicidade

“E então o mundo iria desmoronar, e aquelas pessoas se tornariam um pouco agressivas, e Wanda e Vision seriam expulsos da cidade. Portanto, a ideia de “não está indo do jeito dela, e é por isso que ela segue em frente”, era muito mais literalizada no início. E então tornou-se cada vez mais sutil e assustador e mais baseado no horror psicológico à medida que avançávamos”, falou ainda.

WandaVision

Elizabeth Olsen como Wanda Maximoff, a Feiticeira Escarlate, e Paul Bettany como Visão em WandaVision
WandaVision, a primeira série da Marvel Studios na Disney+ (Fonte: Reprodução – Disney)

Estrelada por Elizabeth Olsen, WandaVision mostrou Wanda Maximoff tentando lidar com a morte de Visão (Paul Bettany), criando toda uma realidade alternativa que promete mudar todo o Universo Cinematográfico Marvel.

A série contou com o retorno de Darcy Lewis (Kat Dennings) e Jimmy Woo (Randall Park) ao MCU, além da chegada de Monica Rambeau (Teyonah Parris). O elenco ainda contou com Kathryn Hahn e Evan Peters.

O sucesso da primeira empreitada da Marvel Studios fora dos cinemas foi tanto que as últimas três semanas de lançamento deixaram o serviço de streaming da Disney fora do ar. O season finale serviu para provocar diversos outros títulos da franquia.

As consequências do programa devem ser exploradas no filme Doctor Strange in the Multiverse of Madness, o segundo da franquia do Doutor Estranho (Benedict Cumberbatch). A personagem supostamente teve uma cameo cortada no último minuto.

WandaVision está disponível por completo no catálogo da Disney+, que você pode assinar clicando no banner abaixo:

Publicidade
© 2022 Observatório de Séries | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade