Friends: Jennifer Aniston lembra ameaça de demissão durante negociações

Executivos acreditavam que dava para fazer a comédia com só quatro dos seis atores principais

Publicado em 08/12/2021 13:10
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O sexteto da série Friends (1994-2004) sempre foi muito unido nos bastidores, pavimentando um caminho de como fazer negociações em grupo por aumento salarial. Jennifer Aniston, a Rachel na comédia, recordou uma situação na qual executivos engravatados ameaçaram demitir parte do elenco, chegando a dizer que não precisavam de todos eles para fazer a atração.

A atriz de The Morning Show relembrou isso durante uma extensa entrevista à atual edição da revista The Hollywood Reporter. A memória veio à tona quando o assunto do bate-papo foi justamente o quanto os atores principais de Friends eram próximos longe das câmeras e faziam quase tudo juntos naquele período de dez anos.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nós nos divertíamos bastante“, comentou Jennifer Aniston. “Eu lembro que nós, jovens ainda, estávamos negociando [contratos] e uma das ameaças [do estúdio da Warner] era: ‘Bem, não precisamos de todos vocês. Podemos continuar a série com quatro‘”. 

A reação dos atores: “‘O quê? Vocês podem? Vocês podem se livrar da Rachel ou do Joey [Matt LeBlanc] e de quem mais?‘”, disse Jennifer. Os executivos caíram na real depois disso. “Se liga, né?“, falou a atriz.

As negociações em conjunto de Jennifer, LeBlanc, Lisa Kudrow (Phoebe), Courteney Cox (Monica), David Schwimmer (Ross) e Matthew Perry (Chandler) foram um marco na TV americana. Para as duas últimas temporadas, eles conseguiram fechar um salário de US$ 1 milhão por episódio (42 capítulos, no total).

Esses fechamentos em grupo começaram já na terceira temporada. E, de certa forma, Jennifer Aniston estava no lado desfavorável do sexteto, junto com David Schwimmer, pois ambos poderiam receber bem mais (eram o principal casal da série).

O modelo de negociações inspirou os elencos de The Big Bang Theory (2007-2019) e Game of Thrones (2011-2019), por exemplo, a fazerem o mesmo, com todos os atores e atrizes principais nivelados, recebendo salários iguais.


Siga o Observatório de Séries nas redes sociais:

Facebook: ObservatorioSeries

Twitter: @obsdeseries

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio