Titãs (Fonte: Reprodução - Warner Bros.)
Titãs (Fonte: Reprodução - Warner Bros.)

Apesar de estrear de forma modesta no DC Universe, Titãs conseguiu achar uma audiência mundial relevante quando a Netflix adquiriu os direitos de distribuição da série.

Agora na HBO Max, a série se prepara para a sua 3ª temporada. E segundo o Bounding into Comics, os jovens heróis da DC Comics não vão parar por aí. De acordo com o site “diversos spin-offs” do programa estão sendo considerados.

Apesar de não ter muitos detalhes, a ideia da Warner Bros. seria colocar em seu serviço de streaming uma alternativa mais sombrio para o Arrowverse da CW. Uma série sobre o Capuz Vermelho, que estreará na 3ª temporada, seria um dos projetos discutidos nos corredores da empresa.

A ideia de criar spin-offs faz sentido nesse novo mercado; com os direitos internacionais de distribuição da série nas mãos da Netflix, programas derivados trazem para a Warner a chance de aproveitar uma audiência já formada e trazer as personagens para programas que eles possam distribuir pelo mundo. Algo muito similar com a estratégia da AMC com The Walking Dead no momento.

Titãs nasceu no DC Universe, serviço de streaming próprio da DC Comics. Mas com o anúncio da HBO Max, novas séries live-action baseadas em obras da DC, como o spin-off de The Batman e o programa dos Lanterna Verde. Não demorou muito, então, para que a série da jovem equipe de heróis se mudasse para lá.

Os próximos episódios da série contarão com Dick Grayson, o Asa Noturna (Brenton Thwaites); Kory Anders, a Estelar (Anna Diop); Rachel Roth, a Ravena (Teagan Croft); Gar Logan, o Mutano (Ryan Potter); Jason Todd, o Capuz Vermelho (Curran Walters); Hank Hall, o Rapina (Alan Ritchson); Dawn Granger, a Columba (Minka Kelly); Donna Troy, a Moça-Maravilha (Conor Leslie); e Conner Kent, o Superboy (Joshua Orpin).

A 3ª temporada de Titãs ainda não tem data de estreia prevista. No Brasil, as duas primeiras temporadas estão disponíveis no catálogo da Netflix.