Como Insecure monta a melhor playlist de hip-hop e R&B da internet

Trilha sonora da comédia da HBO é atualizada semanalmente e tem mais de 330 músicas

Publicado em 30/10/2021 08:00
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Com uma curadoria criteriosa e de ótimo gosto, a série Insecure disponibiliza a melhor playlist de hip-hop e R&B da internet. Simples assim. Atualizada após a exibição de cada episódio, sempre aos domingos na HBO, a coleção de sons no Spotify soma 336 músicas e mais de 19h de puro balanço (números de 30/10). Quem não conhece a lista, precisa conferir.

Desde quando Insecure entrou no ar, há cinco anos, a trilha sonora da série foi muito bem aceita pelos amantes da black music. Em um presente aos fãs, a HBO preparou um podcast chamado de Insecure Interludes (link no Spotify) no qual são revelados os bastidores das escolhas das músicas, com participação de cantores e cantoras que tiveram os respectivos trabalhos destacados na comédia.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Issa Rae, criadora e protagonista de Insecure, é uma das responsáveis pela influência musical na trama. Ela está no podcast, dividido em 15 episódios curtos, contando um pouco dessa experiência. Quem também bate cartão é o supervisor musical da atração, Kier Lehman, profissional experiente há quase duas décadas em Hollywood e indicado ao Emmy representando a atração.

Elenco de Insecure dança ao som de black music (Divulgação/HBO)

Famosos e desconhecidos

Muito fã de black music, Issa Rae decidiu na concepção de Insecure que a trilha sonora seria quase um personagem ao longo dos episódios. E isso se concretizou. É nítido observar como os sons tocados nas cenas vão além do fazer parte do pano de fundo. Há um tempo para o telespectador não apenas curtir a batida, mas também ouvir a letra, pois os versos contextualizam a ação mostrada na tela.

Issa detalha no podcast Insecure Interludes que a base de iniciativa era apostar em artistas independentes da região de Los Angeles, onde a série é ambientada, dando igualdade de espaço às mulheres. Assim, a trilha sonora serve de fonte para o público conhecer novos músicos do movimento.

Como as canções são conectadas com as cenas, há todo tipo de faixa, desde um R&B introspectivo em um momento de tristeza ou reflexão até um rap sujo e agressivo para ilustrar extravagância.

Em um dos capítulos de Insecure Interludes, Kier Lehman deu o exemplo ideal desse contexto todo. Na primeira temporada, durante briga que terminou em pegação entre Issa e Lawrence (Jay Ellis), o som da vez foi Heartbreaks + Setbacks, de Thundercat. 

A música fala da montanha-russa do amor, da paixão nas alturas a uma raiva intensa nos vales. Mas no final das contas, a química entre os apaixonados prevalece. No caso, Thundercat é um artista local, de Los Angeles.

Com o tempo, Issa cedeu lugar a nomes conhecidos do cenário musical, contemporâneos ou das antigas. A playlist da série conta com gente do calibre de Too $hort, The-Dream, Frank Ocean, Cardi B, Drake e muito mais. 

Insecure chegou em um ponto no qual os artistas ficam lisonjeados de terem músicas escolhidas para serem tocadas na série (tudo, claro, desde que recebam o devido direito autoral). Há casos iguais ao de SZA, cantora indicada ao Oscar e Grammy. Ela gravou uma canção feita especificamente para a comédia. Trabalhos assim, segundo Issa, vão ser comuns na quinta e última temporada, com outros cantores e cantoras.

Ouça a trilha sonora de Insecure:


Siga o Observatório de Séries nas redes sociais:

Facebook: ObservatorioSeries

Twitter: @obsdeseries

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio