Como furos de roteiro de Young Sheldon desmentem The Big Bang Theory

Deslizes da série filhote contradizem histórias contadas na comédia nerd consagrada

Publicado em 16/10/2021 08:00
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A quinta temporada de Young Sheldon, que estreou na última quinta-feira (14) no streaming HBO Max, apresentou um novo deslize na história interligada com The Big Bang Theory (2007-2019). A comédia sobre a infância do nerd Sheldon Cooper (Iain Armitage), desde o primeiro episódio, é desleixada por não prestar atenção na narrativa contada. E muitas vezes apresenta eventos desconexos com a série mãe.

Young Sheldon e The Big Bang Theory estão no mesmo universo. A atração nerd consagrada teve o ator Jim Parsons na pele do gênio Sheldon. Ao longo de doze temporadas, o personagem compartilhou inúmeras memórias da meninice, detalhando a relação com a irmã gêmea, o irmão, o pai, a mãe e a avó.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A série derivada nada mais é do que uma encenação desses relatos, além de outros momentos. Contudo, há inconsistências no que Young Sheldon mostra nos episódios, sem uma amarração com a trama de The Big Bang Theory.

O Observatório de Séries destaca cinco furos de roteiro da franquia nerd. Mas não sem antes apontar o mais notório. O ator Lance Barber, pai do Sheldon na série filhote, viveu Jimmy Speckerman em The Big Bang Theory, o valentão que atormentou a vida de Leonard (Johnny Galecki) nos tempos de escola. Nem uma piadinha foi criada para quebrar o gelo desse embaraço.

É importante ressaltar que os furos de roteiro aqui expostos são os mais evidentes. The Big Bang Theory teve 279 episódios e por mais que os roteiristas de Young Sheldon sejam profissionais, é justo dar uma colher de chá porque uma coisa ou outra vai passar batido. Mas algumas nada mais são do que descuidos.

Veja 5 furos de roteiro de Young Sheldon

O ator Lance Barber: pai de Sheldon e algoz de Leonard (Diuvlgação/CBS)

Brigas em família?

Em The Big Bang Theory, Sheldon odiava brigas tipo DR, como quando Leonard discutia com Penny (Kaley Cuoco). Isso porque, segundo ele, a gritaria o fazia lembrar dos constantes confrontos que o pai e a mãe travaram durante a infância. Pelos depoimentos físico teórico, parecia ser algo pesado.

Pois bem. Na maioria das vezes, o casamento de George (Barber) e Mary (Zoe Perry) está longe de ser tenso. Sim, ocasionalmente há umas desavenças, mas no geral os dois nutrem uma relação ponderada e até amável. Na quinta temporada, a convivência entre o pai e a mãe de Sheldon vai mudar após uma reviravolta (sem spoilers). As brigas mais intensas podem nascer daí.

Pai de Sheldon

O Sheldon adulto e a Mary (Laurie Metcalf) pintaram George como imprestável, totalmente inútil. A caveira que os dois fizeram do patriarca em The Big Bang Theory preparava o telespectador para assistir a um monstro em Young Sheldon. 

Acontece que na série derivada, George mostrou-se o contrário disso, um pai dedicado, um marido presente. Sim, ele tem falhas como todo ser humano. Mas o quadro entregue em Big Bang não condiz com o que Young Sheldon mostrou até agora.

Nojo de contato

A misofobia (medo mórbido de sujeira e germes) de Sheldon em The Big Bang Theory rendeu muitas risadas. O álcool em gel era um item inseparável do nerd. Young Sheldon brincou um pouco com isso ao colocar uma luva no garoto enquanto ele dava às mãos durante prece antes de uma refeição.

Em Young Sheldon, o nerd adulto é o narrador e certa feita ele disse que teve de apertar a mão de um homem “em prol da ciência“, mesmo princípio usado na lua de mel com Amy (Mayim Bialik), como ele afirmou. Mas não foi nada disso em The Big Bang Theory. Sheldon e Amy se beijaram e fizeram sexo algumas vezes antes de trocarem alianças. E a ciência acadêmica não teve nada a ver com aquilo.

Quarto dividido com a irmã

Toda a família de Sheldon apareceu em The Big Bang Theory. Na visita da irmã Missy (Courtney Henggeler), ela contou uma história na qual o Sheldon criança construiu um robô para afastá-la do quarto dele. A lógica aponta a uma situação em que ambos dormiam em quartos separados. Mas Young Sheldon inseriu os dois no mesmo cômodo.

Fé na ciência

Na estreia da quinta temporada de Young Sheldon, George passou mal e foi parar no hospital. Tudo ocorreu bem e Mary agradeceu a Deus pela recuperação do marido. O menino Sheldon rebateu: “agradeça à ciência moderna.

Convicções mudam durante a vida. Tem coisas, porém, que permanecem. Como seria o caso da fé na ciência demonstrada por Sheldon. Só que em The Big Bang Theory, o nerd audlto entrou em pânico ao saber que Leonard teria de fazer uma cirurgia no nariz. 

Sheldon chegou a cometer uma afronta, ao sugerir que toda a medicina fosse ignorada, tentativa de convencer o amigo a não aceitar a intervenção.


Siga o Observatório de Séries nas redes sociais:

Facebook: ObservatorioSeries

Twitter: @obsdeseries

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio