Agents of SHIELD (Fonte: Reprodução)
Agents of SHIELD (Fonte: Reprodução)

Agents of SHIELD transmitiu seu series finale na noite desta quarta-feira (12) e encerrou a série em sua 7ª temporada. Todas as personagens sobreviveram à batalha contra os Chronicoms, mas a equipe seguiu caminhos diferentes.

Em um flash-forward final, vemos a equipe no ano de 2020, com cada um dos agentes seguindo caminhos diferentes. Mas a descrição de 2020 no final da série está totalmente em desacordo com a retratada em Vingadores: Ultimato.

Embora a gangue estivesse em uma linha do tempo alternativa, eles foram capazes de viajar através do Reino Quântico, em uma referência ao filme de maior bilheteria do Universo Cinematográfico Marvel, para voltar à linha temporal original.

Portanto, a série realmente deveria se somar ao mundo mostrado no quarto filme dos Vingadores. O problema é, porém, que não é aquele devastado pelo estalo de Thanos, como vimos no maior sucesso do MCU. É impossível dizer que o mundo de Vingadores: Ultimato é o mesmo do final de Agents of SHIELD.

Como apontado pelo ScreenRant, este enredo pode nos dar uma prova conclusiva de que a série não ocorre no MCU como o conhecemos. Ao invés disso, é definido em uma linha do tempo alternativa que é quase idêntica, exceto que Thanos foi de alguma forma impedido de usar a Manopla do Infinito.

Claro, graças à introdução do multiverso na Marvel, que deve ocorrer mais detalhadamente em WandaVision da Disney+, isso não significa que Agents of SHIELD não é canônico, mas pode ser apenas uma ramificação da linha do tempo principal.