A família Kahnwald em Dark (Fonte: Reprodução)
A família Kahnwald em Dark (Fonte: Reprodução)

Dark, da Netflix, é um dos shows sobrenaturais mais complexos de todos os tempos. De forma que você pode precisar de vários gráficos e cronogramas para continuar assistindo sem se confundir. Mas se você pensou que estava confuso na primeira vez, você definitivamente precisará de uma recapitulação da 1ª temporada antes de mergulhar de volta na série. Tentar resumir sua trama sucintamente é uma tarefa difícil. No entanto, a trilogia é complexa demais para não tentarmos.

A série começa com o desaparecimento do jovem Mikkel Nielsen, um garoto de 11 anos em uma cidade chamada Winden, onde a força de trabalho está centrada em torno de uma usina nuclear. Mikkel desapareceu enquanto explorava a floresta com sua irmã mais velha, Martha; seu irmão mais velho, Magnus; O namorado de Martha, Bartosz Tiedemann; Namorada de Magnus, Franziska Doppler; e seu colega de classe, Jonas Kahnwald, ex de Martha que recentemente retornou de uma estadia em uma instituição psiquiátrica após o suicídio de seu pai.

O grupo de crianças estava procurando em uma caverna pelo esconderijo secreto de drogas de outro menino desaparecido, Erik Obdendorf. Os desaparecimentos de Erik e Mikkel são rapidamente revelados como ligados a um portal misterioso nas cavernas sob a usina nuclear; Uma explosão na fábrica, em 1986, de alguma forma resultou na abertura de um buraco de minhoca através do tempo. A cada 33 anos, o cosmo se alinha exatamente no mesmo lugar, de modo que o buraco de minhoca permite ao viajante ter acesso a 33 anos no passado (1953) ou 33 anos no futuro (2019).

Assim, Dark gira em torno das histórias entrelaçadas das quatro famílias cujas vidas estão ainda mais entrelaçadas do que eles pensavam, graças ao buraco de minhoca.

Os Kahnwald

Jonas

Em 21 de junho de 2019, o pai de Jonas, Michael Kahnwald, comete suicídio. Ele deixa um bilhete para seu filho. Mas a mãe de Michael, Ines, o esconde. O estresse da morte de seu pai leva Jonas a se internar em um instituto psiquiátrico no verão, encerrando seu relacionamento com Martha. Logo após seu retorno, Jonas está presente quando o jovem Mikkel Nielsen desaparece na floresta. Mais tarde, um homem conhecido apenas como o Estranho entrega um pacote para Jonas que contém a nota de suicídio de Michael e instruções sobre como acessar o buraco de minhoca nas cavernas. A nota revela que Mikkel vagou pelo buraco de minhoca em 1986, foi adotado por Ines e criado como Michael Kahnwald, eventualmente se tornando o pai de Jonas.

Isso acaba definitivamente com o flerte de Jonas com Martha. Afinal, Jonas agora sabe que ela é tecnicamente sua tia. Armado com este conhecimento, Jonas se aventura em 1986 para trazer Mikkel para casa. Mas acaba sendo dissuadido pelo Estranho, que diz a Jonas que tal ação resultaria em sua própria existência sendo apagada. Eventualmente, o Estranho é revelado ser o próprio Jonas, 33 anos do futuro. Com um dispositivo que foi resultado de resíduos nucleares e um smartphone (de Ulrich), o Estranho pretende selar o buraco de minhoca no momento de sua criação. Mas acaba sendo a causa de sua criação. O dispositivo acaba catapultando o jovem Jonas para o futuro, onde ele acorda em uma Winden pós-apocalíptica, no ano de 2052.

Hannah

A mãe de Jonas, Hannah, em 2019 está tendo um caso com Ulrich Nielsen, pai de Martha, Magnus e Mikkel. Em 1986, Hannah era uma estudante quieta que nutria uma queda não correspondida por Ulrich. Depois de testemunhar ele ter relações sexuais com sua futura esposa, Katharina, Hannah falsamente acusou Ulrich de ter estuprado Katharina, levando à sua prisão. Ela também descobriu que o recém-chegado Aleksander Tiedemann estava vivendo sob uma identidade falsa. Em 2019, Ulrich termina seu caso com Hannah após o desaparecimento de seu filho. Mas uma Hannah vingativa mente para Katharina (agora a diretora do colégio de Winden), dizendo à esposa de Ulrich que foi ela quem terminou, e que ele estava planejando deixar Katharina porque ele a amava. Então, ela chantageia Aleksander (agora o diretor da usina) para ajudá-la a destruir a vida de Ulrich.

Os Nielsen

Ulrich

Hannah não deveria precisar de muita ajuda para destruir a vida de Ulrich, já que ele se encontra em uma situação bastante precária no final da primeira temporada. Em 2019, o desaparecimento de seu filho, Mikkel, traz memórias dolorosas de Ulrich. Afinal, seu irmão, Mads, também desapareceu em circunstâncias semelhantes em 1986. Pouco depois que Mikkel desaparece, o corpo de um menino é descoberto na floresta. Mas o corpo não é o de Mikkel.

Mesmo assim, ele não pode ser identificado. Ao longo de sua investigação, Ulrich percebe que o corpo pertence a ninguém menos do que Mads, que há muito desapareceu. Depois de encontrar notas de Egon Tiedemann, que era chefe de polícia em 1986, Ulrich se convence de que Helge Doppler estava envolvido na morte de seu irmão. Assim como nos desaparecimentos de Erik, Mikkel e Yasin, um amigo da jovem Elisabeth Doppler, e o terceiro garoto a desaparecer de 2019, que foi visto pela última vez sendo abordado por um sacerdote misterioso conhecido apenas como Noah.

Ulrich e Helge

Ulrich segue Helge e passa pelo buraco de minhoca, emergindo em 1953, onde os corpos de dois meninos não identificados (Erik e Yasin de 2019) acabaram de ser descobertos no canteiro de obras do que se tornará a usina nuclear. Ulrich fica convencido de que ele pode impedir que os assassinatos aconteçam se ele matar o jovem Helge em 1953. Então ele agride o garoto de 9 anos com uma pedra. No entanto, Helge sobrevive ao ataque, desfigurado e com danos cerebrais. Dessa forma, Ulrich não mudou nada. Ele simplesmente criou o jovem suscetível que seria manipulado por Noah para se tornar seu cúmplice em 1986. Coberto de sangue, Ulrich é preso pelo jovem Egon Tiedemann pelos assassinatos de Erik e Yasin. Sua foto é mais tarde descoberta em um recorte de notícias de 1953 por sua colega, a chefe de polícia de Winden, Charlotte Doppler, em 2019.

Os Doppler

Charlotte

Quando era uma menina crescendo em Winden, em 1986, Charlotte estava obcecada com o mistério dos pássaros que foram encontrados mortos com seus tímpanos estourados. Em 2019, Charlotte, agora chefe de polícia, está mais uma vez intrigada com esse fenômeno, que surgiu novamente em pássaros e ovelhas após o desaparecimento de Mikkel. Charlotte tem um relacionamento tenso com seu marido, Peter, com quem ela continua casada, apesar de saber que ele teve um caso com uma prostituta transexual chamada Benni.

Juntos, eles têm dois filhos: Franziska (que namora Magnus Nielsen) e sua irmã mais nova, Elisabeth (amiga do desaparecido Yasin), que é surda. O avô de Charlotte era o relojoeiro H.G. Tannhaus, que escreveu o livro A Journey Through Time e construiu o dispositivo que o Estranho usaria em 1986 para tentar fechar o buraco de minhoca. Os planos para a construção do dispositivo chegaram até ele por meio de uma viajante do tempo, Claudia Tiedemann, vinda do futuro pós-apocalíptico de 2052. Em 2019, Charlotte finalmente passa a acreditar nas teorias de seu avô sobre viagem no tempo depois de ver a foto de seu colega Ulrich no artigo de jornal de 1953.

Peter

Ao mesmo tempo, Charlotte fica preocupada com as atividades de Peter na noite em que Mikkel desapareceu. No início, ela supõe que ele retornou para Benni. Mas então ela suspeita que ele estave envolvido no desaparecimento de Mikkel. Na verdade, Peter dirigiu para encontrar Benni. Mas não foi em frente. Ao invés disso, buscou a solidão em um bunker sob a cabana da floresta dos Doppler, que está diretamente acima do buraco de minhoca.

Enquanto rezava, ele assistiu a um portal aberto em frente a ele, e o corpo de Mads Nielsen saiu de 1986. Encontrando a identificação do garoto e percebendo quem ele era, Peter chamou o pai de Mads, Tronte Nielsen. Enquanto eles estavam decidindo o que fazer, Claudia chegou e os instruiu a depositar o corpo na floresta, onde foi descoberto mais tarde.

Helge

Enquanto isso, o pai de Peter, Helge, está morando em uma casa de repouso e frequentemente divagando sobre o desaparecimento de crianças. Embora ele pareça não ter conhecimento claro de seu próprio envolvimento. Eventualmente, ele se lembra de seu papel como o cúmplice do misterioso Noah, que o instruiu a sequestrar meninos para experimentar em seus esforços de construir uma máquina do tempo que aproveitasse o poder do buraco de minhoca de Winden. O objetivo de Noah era usar a viagem no tempo para reorganizar a história humana.

Apesar de seus métodos brutais, ele se viu do lado do bem e considerou sua inimiga a viajante do tempo, Claudia Tiedemann, como estando do lado do mal. Lembrando-se de seu papel nas mortes dos garotos, Helge viaja através do buraco de minhoca de volta a 1986. Assim, ele tenta matar o seu eu mais novo para impedir que os eventos aconteçam, batendo no carro do jovem Helge. Como Ulrich, ele falha. O jovem Helge sobrevive ao acidente. Mas o idoso Helge morre.

Os Tiedemann

Claudia

Antes de se tornar uma viajante do tempo, a jovem Claudia Tiedemann, em 1953, era filha do policial Egon Tiedemann. Egon era tutor do jovem Helge, filho do fundador da usina nuclear, Bernd Doppler. Eventualmente, ela iria crescer para assumir a fábrica de Bernd como diretora em 1986. Ao saber que um acidente levou ao armazenamento de resíduos nucleares em barris nas cavernas de Winden, Claudia manda selar os barris atrás de uma porta fechada por solda.

Enquanto estava nas cavernas, ela reencontrou sua cachorra, Gretchen, que desapareceu em 1953. Assim, fica obcecada com A Journey Through Time, de Tannhaus. Uma cópia do livro lhe foi oferecida por Helge em seu primeiro dia no trabalho. Algum tempo depois, ela deixou Winden para nunca mais ser vista. Apenas para ressurgir como uma versão idosa de si mesma em 2052, ajudando Peter e Tronte com o corpo de Mads em 2019, opondo-se a Noah em 1986 e dando a Tannhaus os planos para o dispositivo em 1953.

Regina

A filha de Claudia, Regina (possivelmente o resultado de um caso com Tronte Nielsen) cresceu para ser a dona do único hotel em Winden. Enquanto seu marido, Aleksander, assumiu o trabalho de Claudia como diretor da usina. Eles se conheceram em 1986 quando o jovem Ulrich e Katharina atacaram Regina. Hannah mentiu ao casal, afirmando que Regina foi quem acusou Ulrich de estupro. Mas Aleksander salvou sua vida. Desde então, Regina e Katharina se tornaram inimigas.

Aleksander

Quando Ulrich começa a vasculhar a fábrica em 2019, investigando o desaparecimento de Mikkel, Aleksander emprega Jürgen Obendorf (pai do desaparecido Erik) para coletar os barris de lixo tóxico e tirá-los da cidade. Assim, pretende evitar que sejam descobertos. Enquanto os barris estão no caminhão de Jürgen, o Estranho aproveita para obter o material radioativo que ele precisa para operar o dispositivo de Tannhaus. Mais tarde, Aleksander é chantageado por Hannah, sua massagista, para destruir a vida de Ulrich.

Bartosz

O único filho de Aleksander e Regina é Bartosz, que protegeu seu melhor amigo Jonas dizendo a seus colegas que ele estava em um programa de intercâmbio na França quando ele realmente estava em uma instituição psiquiátrica. Mas também o traiu começando a namorar a ex de Jonas, Marta, enquanto ele estava fora. Eventualmente, Noah atrai Bartosz para ele, fingindo ser o fornecedor de drogas de Erik e começa a preparar o garoto (o neto de sua inimiga, Claudia) para se tornar seu novo cúmplice após a morte de Helge.