The Walking Dead (Fonte: Reprodução)
The Walking Dead (Fonte: Reprodução)

O sétimo episódio da 10ª temporada de The Walking Dead, o penúltimo da primeira metade desse novo ano, terminou com uma reviravolta quando Dante (Juan Javier Cardenas) foi forçado a assassinar Siddiq (Avi Nash) depois que ele percebeu que Dante era um membro dos Sussurradores, deixando muita expectativa para o midseason finale da semana que vem.

O episódio deste domingo (17), intitulado Open Your Eyes, revelou que um Dante mascarado não apenas estava presente no celeiro onde Alpha (Samantha Morton) e os Sussurradores decapitaram Enid (Katelyn Nacon), Tara (Alanna Masterson) e o príncipe do reino Henry (Matt Lintz), mas também forçou Siddiq a assistir aos assassinatos que o deixaram como o único sobrevivente, sofrendo de transtorno de estresse pós-traumático e ataques de pânico.

Uma revelação veio após uma sequência de seis episódios que deu origem a suspeitas de que Dante era um espião; Aparentemente de forma inconsciente, Dante desencadeava os ataques de pânico e flashbacks de Siddiq. Mas o médico só percebe o que está acontecendo ao final do sétimo episódio. Ainda que possa ter despertado o olhar do espectador mais atenta, a série trabalhou nisso com maestria.

O sussurrador prisioneiro

Quando Siddiq e Dante são levados para a prisão de Alexandria para tratar o sussurrador (James Parks) capturado por Carol (Melissa McBride) e Daryl (Norman Reedus), Dante diz ao prisioneiro: “Não tente nada”. Dante mata Siddiq quando este percebe que Dante e o sussurrador se reconheceram: como aprendemos com a filha de Alpha, Lydia (Cassady McClincy), o sussurrador capturado desempenha um papel fundamental no grupo, ao ser encarregado de encurralar a preciosa horda de caminhantes que os Sussurradores chamam de “guardiões”.

O Sussurrador também esteva presente nos assassinatos do celeiro, como revelado por sua troca com Siddiq. “Eu te conheço”, diz o prisioneiro para o médico. “Olha”, ele diz, o que desencadeia outro flashback do assassinato de DJ (Matt Mangum), forçando Siddiq a se afastar e deixando o sussurrador aos cuidados de Dante.

O padre Gabriel (Seth Gilliam), mais tarde, leva Siddiq e Dante de volta à prisão para tratar o homem, agora tremendo de dor e sofrendo de respiração difícil e pupilas dilatadas. O sussurrador vomita sangue e acaba morrendo. Siddiq percebe que o que Dante administrou, alegando acreditar ser uma erva destinada a tratar dores e inflamações, na verdade, era cicuta, uma planta venenosa que pode causar dor muscular, batimentos cardíacos acelerados e diminuídos, paralisia e insuficiência cardíaca, pulmonar e renal antes de uma morte por insuficiência respiratória.

Quando Siddiq questiona Dante sobre o uso de cicuta, Dante responde: “Eu nunca pensei que cicuta estivesse na bolsa… Porque você a empacotou”. Depois, Siddiq lamenta para Rosite (Christian Serratos) seu erro por distração que causou a morte do sussurrador. Mas, mais tarde, fica claro que Dante envenenou conscientemente o sussurradorr para evitar ser identificado.

A culpa de Siddiq

Siddiq também assume a culpa por não conseguir determinar a origem da doença que se espalha por Alexandria, reivindicando mais recentemente a vida da paciente Cheryl (Rebecca Koon). Como os doentes não têm nada em comum (eles não vivem juntos, trabalham juntos ou comem as mesmas coisas) não há denominador comum que indique a causa da doença. Ele então percebe que a doença decorre do suprimento de água de Alexandria, e as suspeitas de Siddiq são confirmadas quando ele inspeciona o sistema de filtragem de água.

Uma alavanca determina se a água é potável ou não potável: para cima para beber e para baixo para não potável. A alavanca foi invertida para parecer potável. Mas uma mudança na configuração adequada determina que os alexandrinos estão consumindo água não potável; a água que sabemos que foi contaminada por Gamma (Thora Birch). Siddiq, novamente, interpreta o ocorrido com um erro seu, já que ele era um dos encarregados por cuidar da água.

Só mais tarde, quando Dante vem verificar se Siddiq está bem, ele pede desculpas, dizendo que ele estava distribuindo a água na ausência de Eugene (Josh McDermitt), que reside temporariamente em Hilltop: “Com a saída de Eugene, tenho que cuidar da água também”, diz Dante. “Eu não fiz minha parte”.

Para confortar Siddiq, Dante coloca a mão no ombro. Então a ficha cai. Outro flashback do celeiro é desencadeado, onde Siddiq reconhece a voz ao pé do ouvido quando um sussurrador mascarado o forçou a assistir seus amigos serem assassinados. Com a peça final do quebra-cabeça, Siddiq percebe que Dante é um sussurrador e uma briga rápida termina com Siddiq sufocado até a morte.

O plot twist

Muitos acreditavam que, na verdade, Siddiq era o espião, e por isso Alpha havia deixado que ele voltasse com vida. No entanto, não havia mistério: ele voltou para ler a mensagem da líder dos Sussurradores. Mas o fato de que havia um sussurrador infiltrado foi o que fez com que todos os olhos se voltassem para o médico, quando na verdade deveriam estar… no outro médico!

Contudo, Dante possui uma contra-parte nos quadrinhos de Robert Kirkman, e sua chegada pareceu mostrar que acompanharíamos a mesma personagem do material de inspiração. O anúncio do retorno de Lauren Cohan para a já confirmada 11ª temporada foi um dos fatores determinantes para o truque de ilusão dar certo.

Nas HQs, Dante pertencia à Hilltop, onde atuava como o braço direito leal da líder Maggie. Dante acabou surgindo como o interesse amoroso da viúva. Mas seu destino acabou sendo desconhecido. Também não está claro se o romance Dante-Maggie continuou ou se dissolveu durante um salto de tempo que durou mais de 20 anos na edição final das HQs.

O assassinato de Siddiq pelas mãos de Dante, um infiltrado dos Sussurradores no show que, nas HQs estava firmemente alinhado com os heróis, dentro das muralhas de Alexandria, é uma mudança significativa apenas possível pela ausência de Maggie. Seu retorno previsto indicava que as coisas voltariam a correr como nos quadrinhos. Mas como estávamos errados!