One Piece: Top 5 mortes mais marcantes da obra

One Piece é marcado por mortes emocionantes

Publicado em 23/05/2021 15:00
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

One Piece é mundialmente conhecido e amado pelos mais diversos motivos: Enredo complexo, personagens carismáticos, poderes interessantes… No entanto, tem um aspecto que sem dúvida alguma faz com que os fãs tenham um lugar especial em seus corações para a obra de Eiichiro Oda: as mortes de personagens marcantes. Por isso, reunimos aqui um ranking das mais impactantes mortes que acompanhamos em One Piece:

5 – Gol D. Roger: Abrimos a lista com a morte de um dos mais enigmáticos e importantes de toda a obra. Muitos questionamentos giravam entre os fãs até o arco de Sabaody. Afinal, “como alguém tão poderoso como o Rei dos Piratas poderia ser capturado e depois morto pela Marinha?” A resposta nos foi dada por Raylegh, na qual fala que Roger ja sabia que ia morrer por uma doença, e então separou seu bando após a conquista da Grand Line. Entregou-se para a Marinha e do alto dos holofotes do mundo, anunciou que deixara seu tesouro One Piece “naquele lugar”, Roger então morreu sorrindo sem nenhum arrependimento ou medo, dando inicio assim a grande Era dos Piratas.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

4 – Dr. Hiluluk: As relações familiares em One Piece são sempre marcantes. Pensando nisso, não há como deixar fora da lista um homem que não só nos deu uma lição sobre “pai é quem cuida” ao adotar Chopper, mas também nos ensinou que a doença mais importante a ser curada é aquela que assola os corações das pessoas, que deixam uma sociedade doente, intolerante e mesquinha. Dr Hiluluk não morreu, afinal “Quando as pessoas morrem? Quando são alvejadas por tiros? Quando comem sopa de cogumelos envenenados? Não, elas morrem quando são esquecidas.”

3 – Barba Branca: Assim como Roger, a morte de Barba Branca impactou todo o mundo de One Piece. Ao falar que “One Piece é real”, fez com que toda uma nova onda de piratas de voltasse ao mundo, também abalou todo o equilíbrio de poder do Novo Mundo. Barba Branca inspirava lealdade, temor e admiração em todo o lugar que passava e sua morte foi digna de seu tamanho. Teve sua coluna e seus orgãos internos incinerados, teve 1/3 de sua cabeça arrancado, tomou inúmeros ferimentos mas mesmo assim morreu em pé, com seu corpo se recusando a se curvar. Edward Negate, acima de tudo foi um pai para todo aquele que vagava perdido pelos oceanos, o que faz com que a sua grandesa não resida em seus poderes ou alcunhas, mas em seus princípios.

2 – Kouzuki Oden: “Existem três coisas que não podem ser interrompidas: o sonho dos homens, o fluxo do tempo e a vontade herdada…” tal frase foi dita por Gol D. Roger, mas ninguém poderia ser a personificação dela tanto quanto foi Kouzuki Oden. Sua morte marcou todo o País de Wano como um marco, em que apartir daí fez com que seu território caísse em desgraça. No entanto, enquanto esteve vivo Oden semeou laços e fez com que confiou em seus bainhas para que seu propósito em abrir as fronteiras de Wano para o mundo, fosse concretizado. Oden encarou sua morte de frente e marcou sua presença no coração de cada fã da obra, afinal “Oden quanto mais fervido, melhor ele fica”.

1 – Portgas D. Ace: Ace é até hoje um dos personagens favoritos de muitos fãs. Seu caráter e carisma, somado ao seu poder como pirata levou muitos fãs ao delírio, então é de se imaginar que só já seria um fator para que sua morte gerasse comoção. No entanto, o principal fator que eleva a morte de Ace ao nosso top 1, foi a imensa expectativa gerada em torno de seu possível resgate. Isso mesmo! Foram 2 angustiantes anos de expectativa entre o momento que Luffy descobriu sobre a execução de Ace e a morte dos Punhos de Fogo, de tal modo que os fãs tiveram uma reação muito grande de perda.

Criado, roteirizado e ilustrado por Eiichiro Oda, One Piece segue a história de um grupo de piratas liderado por Monkey D. Luffy. Após herdar um chapéu de palha do pirata Shanks o Ruivo, Luffy decide se tornar o Rei dos Piratas.
Dessa forma, o garoto que comeu a fruta da borracha, começa sua aventura pela Grand Line em busca do incomparável tesouro One Piece.

Atualmente no Brasil, a obra pode ter seu mangá adquirido através da Editora Panini e seu anime assistido nas plataformas Cruchyroll e Netflix. Ademais, recentemente a obra teve uma série Live Action anunciada que está sendo produzida pela Netflix, ainda sem previsão de estreia.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio